Ir para conteúdo

Blog

Novos gestores formados pela Fundação Itaú Social

28 de Junho de 2016 • Fundação Itaú Social • 1 Comentários

Saiba como foi a temporada de cursos do primeiro semestre de 2016

Há mais de 10 anos, a Fundação Itaú Social oferece cursos para formar gestores de OSCs, da área pública e do terceiro setor. Com o objetivo de disseminar a metodologia da avaliação econômica de projetos sociais, a Fundação Itaú Social já formou mais de 2 mil gestores em mais de 100 cursos realizados em todo o Brasil.

“O curso é muito diferenciado por conta da sua metodologia. Ao longo das aulas, passamos por todos os temas que envolvem a avaliação econômica: desde os objetivos do projeto até as metodologias de retorno econômico, de uma forma bastante prática, aplicada às questões do dia a dia dos alunos. Ao longo do curso, também, os alunos têm a oportunidade de desenvolver um plano de avaliação econômica aplicado aos seus próprios projetos, o que contribui muito para a compreensão do conteúdo.”

Rafael Camelo – Professor do Curso    Professor Rafael Camelo do Curso de Novos de Gestores

No primeiro semestre de 2016, foram realizados cinco cursos de avaliação: dois no Rio de Janeiro, um deles em parceria com o Instituto Pereira Passos , um em Salvador, um em São Paulo e uma turma de formação básica em Brasília.

Para o professor Rafael Camelo, o curso permite que os alunos mudem a forma de pensar e estruturar seus projetos: “Passam a pensar melhor nos seus objetivos, a formular melhor seus indicadores e entendem a importância da coleta de dados sobre os beneficiários dos projetos. Enfim, os alunos saem com o conhecimento necessário para se estruturar para uma avaliação econômica.”

“O curso também mostra que a metodologia de avaliação é uma “perna” do entendimento do funcionamento e dos resultados do projeto. Para os projetos sociais, a avaliação deve ser utilizada como um instrumento de gestão. A partir dela e, claro, junto com outras metodologias, sejam de monitoramento ou avaliação qualitativa, é possível pensar melhor um projeto e adequá-lo à realidade que se quer atingir ou modificar.

É claro que o curso também consegue mostrar para os alunos que para alguns projetos sociais, a avaliação econômica não é suficiente, e até pode não ser factível, para o entendimento dos resultados do projeto. Ou seja, os próprios alunos, por compreenderem melhor no que consiste a avaliação econômica, também possuem consciência dos limites e aplicabilidade dos seus conceitos.”

Professora Danielle Carusi do Curso de Novos de Gestores     Danielle Carusi – Professora do Curso

A professora Danielle Carusi explica como o curso pode influenciar aqueles que já estão com projetos sociais em andamento: “para aqueles alunos que já tinham projeto em andamento, o curso permite que se pense em revisões dos objetivos e do funcionamento do projeto. Acho interessante o fato de que os alunos chegam com várias visões/conceitos no início do curso que são quebrados, ou melhor, modificados ao longo.”

Se você já fez o curso, compartilhe a sua experiência no nosso Mural  e mantenha-se conectado com colegas e professores pelo Toda Rede . Se você ainda não fez e tem interesse, fique ligado no site da Rede de Avaliação e acompanhe datas e novidades.

Confira as fotos das turmas do primeiro semestre de 2016:

Deixe um comentário


Comentários (1)

Nome Sobrenome Izabel Vitorino20 de Abril de 2017

Prezados, boa noite.Resido em Franca, São Paulo e tenho muito interesse em fazer o curso de gestores de OSCs oferecido pelo Itaú Social. Teria como os senhores me informarem quando serão as próximas datas e se há alguma possibilidade de realização desse curso em minha cidade ou na cidade de SP?

Deixe um comentário