Ir para conteúdo

Blog

Avaliação para o Investimento Social Privado: Estratégia Organizacional

06 de Agosto de 2014 • Fundação Itaú Social • 0 Comentários

O evento aconteceu no dia 06 de agosto de 2014 no FIRJAN, no Rio de Janeiro/RJ. Confira como foi a programação, os assuntos abordados e baixe os materiais apresentados pelos palestrantes.

8h30
Credenciamento

9h00
Abertura

9h30
Oficinas

Oficina 1: Avaliando nosso caminho para tornar as organizações mais inteligentes.

  • Tessie Catsambas – Presidente da EnCompass LLC (Washington, EUA) – Saiba maisNo painel, a especialista centrará sua apresentação em estratégias avaliativas que contribuem para o impacto positivo das organizações. No workshop serão apresentados caminhos que podem tornar as organizações mais inteligentes, utilizando o monitoramento e a avaliação como eixos estratégicos para (i) tornar mais claros os programas, seus componentes essenciais e os resultados pretendidos, (ii) usar informações que já existem para melhorar estratégias e programas, (iii) tornar a aprendizagem contínua como parte indissociável da organização, e (iv) fortalecer a captação de recursos e o trabalho de advocacy das organizações por meio de apresentação de evidências convincentes.

Oficina 2: Avaliações para apoiar diferentes tipos de aprendizagem e melhorar estratégias organizacionais

  • Patricia Rogers – Professora da RMIT University (Melbourne, Austrália) – Saiba maisA especialista pretende debater, no painel, como diferentes tipos de avaliação podem ser usadas para a elaboração, implementação e revisão de estratégias organizacionais, e ainda que diferentes tipos de estratégias demandam diferentes tipos de avaliação. Em seu workshop, Patrícia Rogers trará subsídios para que os participantes aprendam diversas maneiras de desenvolver, representar e utilizar a teoria da mudança para aperfeiçoar a coerência e efetividade de programas, projetos e estratégias organizacionais.

Oficina 3: Estudos avaliativos experimentais e quase-experimentais e sua relevância para aumentar a efetividade das organizações

  • Thomas Cook – Professor da Northwestern University (Chicago, EUA) – Saiba maisO especialista apresentará, no painel, os motivos pelos quais diferentes organizações internacionais, preferem a adoção de estudos randomizados para examinar a efetividade de intervenções sociais. O debate focará as situações, nas quais os estudos randomizados são mais (ou menos) viáveis e a sua relevância para melhorar a eficácia das organizações. No workshop, Thomas Cook discutirá as melhores alternativas nos casos em que os estudos randomizados não podem ser realizados.

11h00
Pausa

11h20
Oficinas – Continuação

12h30
Almoço

14h30
Plenária 1: Avaliação e Estratégia Organizacional

  • Patricia Rogers: (RMIT University)
  • Tessie Catsambas: (EnCompass LLC)
  • Thomas Cook: (Northwestern University)

16h00
Pausa

16h30
Plenária 2: Aprendizados de experiências brasileiras

  • Eduardo Marino: (Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal)
  • Isabel Santana: (Fundação Itaú Social)
  • Mônica Dias Pinto: (Fundação Roberto Marinho)

17h30
Encerramento

Veja o vídeo do evento:

 

Logomarcas dos realizadores e apoiadores do evento: Fundação Itaú Social, Fundação Roberto Marinho, Move Social, Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, Fundação Santillana, GIFE e Comea

Galeria de fotos do evento

Avaliando nosso caminho para tornar as organizações mais inteligentesBaixar arquivo
Oficina 2: Como diferentes tipos de avaliação podem ser usadas em organizações?Baixar arquivo
A Avaliação de Investimentos Sociais no Setor PrivadoBaixar arquivo
Teorias da mudança para o planejamento, gestão e avaliação.Baixar arquivo
Tessie Catsambas: Avaliação é EssencialBaixar arquivo
Thomas Cook: Aval. para prestação de contasBaixar arquivo

Deixe um comentário


Comentários (0)

Deixe um comentário